Google+ Followers

quinta-feira, 20 de julho de 2017

Vontade da alma


É apenas isso! Só isso!


Bom dia!
Comecei a escrever de madrugada, mas pode ser que eu termine de escrever só pela manhã.
Não sei.
Nossa quanto tempo! Eu estava por ai vivendo e hoje senti falta. Mudei muito, mas ainda tenho alguns dos mesmo medos e continuo com aquela essência de quem gosta de coopera.
Estou assim realizando um sonho. Fazendo a minha querida faculdade de fisioterapia.
Muita coisa aconteceu. Lendo os textos vi que não penso da mesmo forma. Já não levanto as mesmas bandeiras e talvez eu seja igual aquele todo mundo que não queria ser?
Mas só um talvez? Quantos talvez a vida tem?
Penso que a vida é uma cobertura de incertezas que te cobra decisões.
Você já pensou no amor? O amor esse das suas relações, o quanto ele é bom e o ser humano a todo tempo quer ser amado, mas ele faz a gente mistura a alma com um outro e se perder de nós mesmo. Eu já nem sei se isso é bom ruim.
Escrever até hoje é um presente especial de DEUS, como sou grata, grata de verdade por isso e tantas outras coisas, mas eu sinto muita saudade de quando a gente escrevia e as pessoas admiravam. Eu tenho poucos seguidores, eu sei, mas vai escrever no facebook. Você se expõe muito fácil hoje. As polêmicas surgem com grande facilidade.
Galera, todo mundo tem direito de pensar o que quiser. Isso saudável é uma e expor também o que pensa, mas as as vezes só escrevemos por é aquilo que sentimos. Tem muita coisa na cabeça no coração. Outras coisas dá para sentir com as vísceras também, com hormônios. Sei lá. Você só quer desabar, se encontra ou se perder.
Apreciar um poema as vezes dadiva. Se divertir com as incógnitas.
Não se vou voltar outras vezes essa semana ou daqui um mês. Hoje escrevi, porque minha quis.Uma coisa que aprendi que é bom obedecer a alma. Ouvi minhas musicas prediletas e escreve era exatamente da minha alma.
Escrevi apenas para alimenta a minha alma. 
Tenho uma sugestão"algumas vezes façam exatamente o que querem fazer apenas isso"

terça-feira, 6 de dezembro de 2016

Das coisas simples

 Esse ano, foi maravilhoso, muito maravilhoso!
Incrível que mesmo com as minhas reclamações, bicos, a vida me deu tantos presentes.
Aprendi mais na alegria e no amor que na dor.
Claro que teve aquelas coisinhas irritantes.
Mas legal é você pode ser conhecer nessas coisinhas irritantes, que você achava que não te irrita mais ou que nunca irritou.
Esse ano eu conheci livros maravilhosos da Jojo Moyes, "Depois de você", "Como eu era antes de você." Escrevi nessa ordem, porque nessa ordem que eu li. Conheci o Pequeno Príncepe. A literatura esse ano me marcou muito. É um dos agradecimentos que fiz a Deus.
Comecei a namorar e fazer faculdade ao mesmo tempo.
Realização de sonhos!
Amo o conhecimento. Acho muito legal está apaixonada e estou.
Viajei para Búzios também, que cidade maravilhosa! Nossa!
O ano ainda não acabou e ainda quero viver momentos bons em dezembro.
Ai, você pode perguntar o porque o título das coisas simples?
Porque o simples é mais importante. Sabe vê o sorriso da minha sobrinha, abraça minha mãe, beijar meu namorado. Ficar perto das pessoas que me amam, por simplesmente me amarem. Não importa se eu vou ser massoterapeuta, poeta, escritora ou fisioterapeuta. O que importa para essas pessoas. É que eu existo! 
Não tenho aquela vontade de viver momentos muito profundos, momentos fúteis são legais, rir de piada sem graça é algo que não tem preço.
Sim, eu ainda tenho planos, sonhos, gosto de ajudar os outros. E você pensa que é mentira, mas estudo pensando nas vidas em primeiro lugar, por isso escolhi fisioterapia.

Mas a simplicidade, o amor, a alegria é algo bem maior que batalha uma carreira.
É maior riqueza desse ano, foi essa descoberta.
É obrigado, meu amor , por está em minha vida. Obrigado DEUS por me dar essa linda garotinha, como sobrinha, para enfeitar meus dias com seu sorriso.
Felicidade é simples, é bem simples.
E eu já pensei que a felicidade estava longe, que tinha que batalha, tem nada.
É só olhar para o simples, que você será feliz. A complicação está na sua cabeça, como já esteve na minha e as vezes ronda.
 Se você tem o que alimenta teu corpo, a comida, eu acho que sentir fome sim é triste, e o que alimenta sua alma, o amor, você é feliz, só tem que descobrir.
 Para últimos suspiros de 2016 e para o ano de 2017 quero viver isso simplicidade. Ajudar o outro,mas sempre com amor próprio, rir muito. Só isso!

domingo, 23 de outubro de 2016

sábado, 24 de setembro de 2016

O verdadeiro saber

 Bom dia galera!

Quando Sócrates falou que nada sabia mostrou um sinal de humildade diante da vida.
O saber está muito além de cálculos, conhecimentos científicos.
Sim, sim eles foram a evolução da humanidade. 
Sem ciência certamente não saberíamos para onde caminhar.
Mas isso tudo é inteligência. O mundo inteligível é mesmo fascinante, mas sabedoria está no sentir.
Quanto mais belos são os seus sentimentos mais sábia você fica. Sabedoria está em inteligência emocional.Resultado de imagem para sabedoria das avós
Mas as vezes ser você mesmo sem se punir já é um ato de sabedoria.
Sabedoria chega ser divina.
Sabe quando você ouvi o seu coração?
 Não sou uma pessoa sábia, sábia mesmo era minha vó.
Não sei se nasceu assim ou foi o tempo que trouxe sabedoria.
Talvez fosse as suas orações puras, simples e sinceras que trouxeram aquela sabedoria toda.
Nem ia escrever sobre minha vó, mas de repente bateu uma saudade.
A certeza que tenho é que ela me deixou a melhor das heranças. Seus ensinamentos.
Vovó sim me ensinou o caminho para agora estudar fisioterapia. Vovó sempre soube valorizar o ser humano pelo que ele é.
Não sou estudar, mas também muitas outras coisas.
Buscar ser feliz!
Não ferir o outro.
Tudo isso vinha com a melhor batata frita do mundo.
O café que não gosto que ela também me ensinou.
Obrigado Vó!
Obrigado também a todos vocês Manuel, Djauma, Célia, Aparecida e Enilda!
Obrigado!
Eu posso estudar milhões de coisas, milhões de livros, mas nunca, nunca vou esquecer o que vocês me ensinaram.